Voltar

Outsourcing de TI: conheça as vantagens e desvantagens da terceirização

Renato Panessa

Todo gestor gosta de pensar que conta com os melhores colaboradores do mundo. Muitas vezes, entretanto, a equipe interna de tecnologia de uma empresa não consegue prover todo o amparo necessário às necessidades do negócio.

Isso pode ser especialmente frustrante, já que acaba freando algumas oportunidades de expansão. A boa notícia é que o Outsourcing de TI surge como uma opção valiosa para quem quer contar com conhecimento especializado, proteção de dados e redução de custos.

Para apresentar melhor o conceito, suas vantagens e até mesmo os seus riscos, preparamos este post. Siga a leitura!

O que é o Outsourcing de TI?

Essa denominação se refere às atividades terceirizadas de TI, oferecidas por profissionais especialistas no assunto. O Outsourcing, portanto, se relaciona ao ato de transferir determinados serviços, realizados até então de forma interna, para colaboradores externos.

Essa iniciativa se popularizou quando profissionais mais técnicos e qualificados começaram a formar equipes de ponta para prover serviços de alta complexidade, principalmente aqueles que não eram contemplados com a mesma eficiência por colaboradores internos das empresas.

Assim, os serviços tornaram-se conhecidos como Information Technology Outsourcing (ITO), nome posteriormente abreviado. Essa prática garante que a empresa contratante possa concentrar as atenções exclusivamente no core business, entregando aos trabalhadores terceirizados algumas ações operacionais relacionadas à TI.

Trabalhos que exigiam um nível mais apurado de conhecimento começaram a ser repassados a esses colaboradores externos. Isso tira um fardo significativo dos ombros da equipe interna, que passa a se dedicar exclusivamente às atividades-fim da empresa.

Quais são as suas vantagens?

Os benefícios do Outsourcing são inúmeros, desde a simples possibilidade de contar com especialistas até a redução de despesas. Vamos conferi-las.

Proteção das informações

A utilização de profissionais de Outsourcing já se tornou uma prática bastante tradicional. Conseguir parceiros qualificados é uma tarefa viável — desde que os contratantes se assegurem de que estão contando com pessoas que realmente consigam atender às demandas do negócio.

Um dos principais benefícios da contratação é o suporte técnico oferecido em tarefas que envolvam processamento de dados, por exemplo. Como os profissionais tendem a ser estudiosos incansáveis de tudo o que envolve tecnologia, eles saberão resguardar a companhia e oferecer um alto nível de proteção às informações.

Agilidade e atualizações contínuas

Além disso, também é possível constatar uma melhoria operacional, já que o conhecimento dos parceiros oferece as soluções técnicas mais avançadas do momento, garantindo que a empresa consiga entregar resultados de forma mais dinâmica.

Esses profissionais também adotam rotinas otimizadas de atualizações — tanto nos softwares como na sugestão de novas soluções de hardware. Tudo isso garante uma alta disponibilidade na execução dos procedimentos dos clientes. Além disso, é possível solicitar o monitoramento de sistemas em tempo real.

Redução dos custos

O Outsourcing também proporciona um corte substancial das despesas com TI. O orçamento pode ser reduzido já no curto prazo, uma vez que as soluções e práticas implementadas garantem a otimização de diversas atividades e áreas da companhia. Isso estimula os colaboradores internos e aumenta a produtividade como um todo.

Além disso, terceirizar é bem menos oneroso do que treinar todo o time interno de TI direto do zero. Essa hipótese, além de demandar muito tempo livre dos colaboradores, também atrasa o progresso da companhia. O Outsourcing oferece respostas mais imediatas e seguras.

É possível firmar um contrato que seja atrativo para as duas partes. Só o estabelecimento dessa parceria já garante um controle maior sobre os gastos, uma vez que a empresa já estará ciente dos valores cobrados e de tudo o que os parceiros podem oferecer em termos de infraestrutura de TI.

Conhecimento sobre as tecnologias mais importantes do momento

Sua empresa nutre planos de investir de forma mais ativa em tecnologias como a computação em nuvem, mas não tem o conhecimento necessário? Contar com um serviço de Outsourcing garante um intercâmbio de ideias entre esses profissionais e a sua própria equipe.

Dessa forma, seus colaboradores serão apresentados ao modo de funcionamento de tecnologias que têm revolucionado o mercado e garantido vantagem competitiva para as companhias que as adotam.

Inclusive, um sinal bastante significativo de que a sua empresa precisa do Outsourcing é a constatação de que os funcionários internos poucos sabem sobre tecnologia recente.

E quais são as possíveis desvantagens do Outsourcing?

Os riscos se relacionam, principalmente, à contratação de profissionais pouco qualificados, inclusive para serviços complexos e de difícil implementação. Sua empresa corre o risco de arcar com altos valores e conseguir uma solução medíocre.

Portanto, é fundamental pesquisar bem sobre as suas opções de Outsourcing. Por meio de ferramentas como o Linkedin e pela busca de referências no mercado, fica mais fácil verificar o know-how de determinados profissionais e empresas que oferecem o serviço.

Assim, você escapa do temido turnover — quando os serviços dependem de uma mão de obra altamente especializada não fornecida pelos trabalhadores terceirizados. Outro risco é comprometer a segurança da informação em seu negócio.

Isso porque toda companhia conta com dados corporativos fundamentais, que incluem, por exemplo, informações confidenciais sobre clientes, registros de pagamentos e senhas de acesso.

Desconfie de profissionais sem referências e que ainda que solicitem uma consulta aos seus arquivos sem provar a sua expertise. Dê preferência às opções já estabelecidas no ramo, buscando exemplos de implementação bem-sucedida e transparente.

O autor Norberto Antônio Torres, em seu livro "Outsourcing de TI: impactos, dilemas, discussões e casos reais", oferece alguns insights interessantes. Segundo ele, para preservar a sua operação em pleno funcionamento, a empresa contratante não deve delegar o controle total sobre:

  • níveis gerais de segurança;
  • padrões específicos de qualidade;
  • métricas para os serviços;
  • estrutura particular dos sistemas.

A empresa que deseja apostar na terceirização de soluções tecnológicas deve, ainda, segundo Antônio Torres, exigir a independência em relação ao acesso a sistemas e bases de dados.

Qual é a melhor opção do mercado?

Há mais de duas décadas no mercado de tecnologia, a Globalweb Corp é um dos grandes grupos empresariais brasileiros de TI. Seus profissionais oferecem expertise em serviços e produtos, sem deixar de levar em consideração as características específicas de cada empresa.

Nossas soluções se aplicam a diferentes campos: infraestrutura, aplicações, continuidade dos negócios, mobilidade, armazenamento de dados... E a lista ainda segue. Isso porque contamos com mais de 1800 profissionais altamente qualificados, garantindo presença nacional. Além disso, temos mais de 20 produtos próprios e mais de mil certificações registradas.

Como pudemos ver no post, o Outsourcing de TI é uma prática que revolucionou o mercado, mas não é saudável entregar os serviços de tecnologia para qualquer um: priorize quem já tem bastante experiência no assunto!

Gostou do nosso artigo e se interessou pela possibilidade de firmar uma parceria com a Globalweb? Então, entre em contato conosco para conhecer melhor o nosso trabalho!

Compartilhe:

Outros destaques

Processos ágeis e as novas fábricas de software

As metodologias ágeis são reconhecidas até hoje como estratégias efetivas para redução de custos e aumento da produtividade de uma empresa. Elas são aplicadas para lidar com os desafios comuns em projetos, como gestão de custos, riscos e prazos. Por isso, são soluções práticas para organizar o dia a dia e garantir melhores resultados.

Saiba mais

Aprenda como promover a segurança da informação na sua empresa

É fundamental encontrar formas de proteger os seus dados e evitar que eles se percam, tanto por desastres tecnológicos quanto por ações de cibercriminosos. E, para isso, é preciso investir em segurança da informação.

Saiba mais

Conheça os principais indicadores estratégicos de TI

Neste artigo, vamos mostrar quais são os principais KPIs (Key Performance Indicators, ou Indicadores Fundamentais de Desempenho) que devem ser usados na TI. Acompanhe!

Saiba mais

Assine nossa news

Receba no seu e-mail informações e conteúdos ricos sobre transformação digital e jornada para nuvem dos melhores especialistas do mercado.
Não se preocupe, não enviamos spam. ;)